segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Deputado Guilherme Almeida troca PSC pelo Solidariedade, que recebe ainda filiação dos ex-deputados Jacó Maciel e Robson Dutra

O Partido da Solidariedade vem se fortalecendo para a disputa na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa da Paraíba do próximo ano. O presidente Estadual da legenda, o deputado federal Benjamin Maranhão, e o presidente municipal, vereador Saulo Noronha, se reuniram no último sábado (21) com lideranças em Campina Grande, entre elas o deputado estadual Guilherme Almeida, o ex-prefeito de Queimadas e ex-deputado Jacó Maciel, além do ex-deputado Robson Dutra.
O grupo de pré-candidatos sinalizou uma migração da legenda que se encontra (PSDC) para o Solidariedade, através de uma articulação de Saulo Noronha e do presidente municipal do PSDC Ronaldo Menezes. A ideia é unir forças para tornar as duas legendas mais competitivas para as eleições 2016, elegendo o maior número de parlamentares possíveis.
“O Solidariedade é um partido onde todos têm espaço e liberdade. Nosso objetivo é nos fortalecer e ocupar mais espaços na eleição do próximo ano, sempre apostando em pessoas responsáveis e que possuam um compromisso com o povo paraibano. Muito nos alegra receber essas lideranças que virão se somar ao nosso projeto político”, destacou Benjamin.
Na reunião realizada na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) estavam presentes personalidades conhecidas pelos campinenses, entre elas, deputado estadual Guilherme Almeida, vereador Aldo Cabral, vereador Saulo Germano, vereador Renan Maracajá, vereador Joia Germano, Jacó Maciel, Robson Dutra , Antônio Amilton Fechine , Júlio Cézar, Targino, Laelson Patricio, Soraya Brasileiro, Ninão Gigante, entre outros.

Deputado Genival Matias participa do Jipe Cross em Juazeirinho e Festa da Criança em Sumé, durante o fim de semana

A imagem pode conter: 2 pessoas, multidão e atividades ao ar livre
O presidente estadual do Avante, deputado Genival Matias, participou de atividades no Seridó e Cariri paraibano, neste fim de semana. Neste domingo (22), Genival esteve presente, ao lado do prefeito Bevilacqua Matias, da vice-prefeita Anna Virginia, de vereadores e lideranças locais, no 1° Jipe Cross, realizado pela Prefeitura Municipal de Juazeirinho, valendo pela  8ª etapa do Campeonato Paraibano Jipe Cross 2017, no Jipódromo Garibaldi Matias, onde pilotos da Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte participaram e levaram um grande público ao local durante o final de semana.
O parlamentar parabenizou a organização do evento, destacando a valorização do esporte e movimentação do comércio local. Ao lado do deputado esteve o repórter Emerson Mofi, filiado do Avante e que disputará uma vaga na Câmara Federal no próximo ano. Em seguida, o deputado e sua comitiva se dirigiram à cidade de Sumé, localizada no Cariri da Paraíba, onde se reuniu com os vereadores de Amparo: Cícero de Emerita e Luciano Gordo. Além do presidente da Câmara de Camalaú Júnior Lucas, e os vereadores Adelmo e Diva. E, também com Ronaldo Borges, representante da cidade de Monteiro que disputará o cargo de deputado federal pela região.
Encerrando as atividades do dia, Genival Matias participou de uma grande festa das crianças, atendendo ao convite do vereador da cidade de Sumé, Juan Pereira e do seu pai, o ex-vice-prefeito João Pereira. Intitulado ‘Dia Feliz’, o evento foi realizado no bairro Alto Alegre e teve como objetivo oferecer um dia mais feliz para todas as crianças, principalmente as mais carentes da cidade.
Genival Matias parabenizou o vereador Juan Pereira por oferecer um dia inesquecível para todas as crianças presentes na festa. “Tenho certeza que esse momento ficará na mente dessas crianças que estiveram aqui presentes. Só tenho que parabenizar o vereador Juan e ao seu pai João por esse grande evento”, finalizou.
A imagem pode conter: 7 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé, árvore, atividades ao ar livre e natureza A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e barba
 

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Prefeitura de Itaporanga abre processo seletivo para contratação de médicos

A Prefeitura de Itaporanga, no Vale do Piancó, vai abrir inscrições para processo seletivo, destinado a contratação de profissionais médicos, em caráter temporário. Os contratados terão que realizar entre 30 e 40 consultas, fazendo jus aos ganhos que vão de R$ 3.000,00 a R$ 4.000,00. Veja edital
Serão contratados profissionais nas especialidades de Cirurgião Geral, Ginecologista e Obstetrícista, Gastroenterologista, Mastologista, Ortopedista e Traumatologista, Urologista, Oftalmologista, Otorrinolaringologista, Neurologista, Dermatologista e Endocrinologista. Os candidatos selecionados irão desempenhar suas atividades através de atendimento médico ambulatorial, por meio de consultas individuais.
Os interessados devem realizar suas inscrições no período de 23 a 26 de outubro de 2017, junto a Secretaria de Administração, que fica na Prefeitura Municipal, no horário de 8 às 13 horas. As inscrições serão realizadas preferencialmente na forma presencial. Em casos excepcionais serão aceitas inscrições por procuração. Não será cobrada taxa de inscrição para participação do processo seletivo.
A seleção dos inscritos dar-se-á por meio de avaliação de currículos, considerando títulos e experiência profissional. O prazo de validade do processo seletivo é de um ano, a contar da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período.

Presidente do Senado, Eunício Oliveira afirma que votará em Lula se o PMDB não lançar candidato em 2018

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), disse que é eleitor do ex-presidente Lula e pretende votar no petista, nas eleições presidenciais do ano que vem, caso seu partido, o PMDB, não lance candidato e não faça um entendimento nacional sobre as alianças locais para o pleito. A declaração foi dada ao jornal O Povo, de seu Estado, o Ceará, na noite desta quinta-feira, 19, após abertura do Seminário Empreender, no Sebrae de Fortaleza.
"O PMDB é um partido livre", diz. "Se tiver liberado, se (o voto) for livre, obviamente votarei no presidente Lula", repetiu o senador à publicação. O afago do presidente do Senado a Lula fortalece a tese de que Eunício pode estar se aproximando do governador Camilo Santana (PT) com o intuito de disputar uma das vagas ao Senado, numa eventual aliança com o petista na mesma chapa eleitoral em 2018, onde ele tentará a reeleição. A outra vaga já estaria prometida a Cid Gomes (PDT), irmão do presidenciável Ciro Gomes. Em 2014, Eunício e Santana foram adversários na disputa pelo governo do Estado.
PT e PMDB, rompidos no plano nacional desde o impeachment da presidente cassada Dilma Rousseff, já vêm negociando alianças para as eleições de 2018 em pelo menos cinco dos nove Estados do Nordeste, dentre eles o Ceará. Isso em razão da força que Lula ainda possui na região e pelo fato de o PMDB ser o partido com maior tempo de TV e ter o maior número de prefeituras do País, o que seria um bom acordo para ambos os partidos.

Veja revela que Joesley levou Vitalzinho em seu iate e o hospedou em Angra quando o TCU analisava empréstimos da JBS.

Resultado de imagem para iate de joesley
O ex-senador e atual ministro Vital do Rego (TCU) voltou a ser citado na mídia nacional, por um encontro suspeito que teria mantido com o empresário Joesley Batista, da JBS, em junho do ano passado, em Angra dos Reis. Segundo o Blog O Antagonista (que cita a Revista Veja), Vital teria feito um passeio de iate com Joesley, que ainda hospedou o ministro em sua casa.
Diz a nota: “Joesley Batista levou pra passear em seu iate dois ministros do TCU. Em seguida, eles passaram o dia em sua casa em Angra dos Reis. Segundo a Veja, as mordomias foram oferecidas em 11 de junho de 2016, quando o TCU já analisava as negociatas da JBS. Os dois ministros são Vital do Rêgo e Bruno Dantas.” Diz a Veja: “Para os ministros Vital do Rêgo e Bruno Dantas, ambos do Tribunal de Contas da União (TCU), era o começo de um animado dia de mordomias, com boa comida, champanhe e vinho da melhor qualidade, tudo diante de uma paisagem deslumbrante.”
E ainda: “Joesley Batista já confessou ter habilidades especiais para corromper. Quando não pagava propina para atingir seus objetivos, usava outras artimanhas para capturar a simpatia de figuras importantes do poder. Não foi por outra razão que o empresário convidou os ministros para o passeio no sábado 11 de junho de 2016, quando o TCU já analisava os empréstimos suspeitos dos Batista. Combinar o encontro com Bruno Dantas e Vital do Rêgo foi relativamente fácil. O empresário ficara sabendo que os dois estavam no Rio, onde haviam participado, na véspera, de um seminário. O convite foi feito — e aceito. Mais em https://goo.gl/5yf9jQ

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Paraibano que relatou pedido de cassação da chapa Dilma\Temer deixa o TSE

Herman Benjamin tomou posse como ministro substituto no TSE em 16 de junho de 2014, na representação reservada aos magistrados do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A posse como ministro titular ocorreu em 27 de outubro de 2015. Ele substituiu a ministra Maria Thereza de Assis Moura no comando da Corregedoria-Geral da Justiça Eleitoral em 30 de agosto de 2016, se encarregando da relatoria da Aije 194358, entre outras atribuições.
Com relação ao julgamento da Aije 194358, e das outras ações correlatas ao processo, somente a leitura do relatório e do voto do ministro Herman Benjamin levou três dias. Ao final, o Plenário do TSE decidiu, por maioria de votos, pela improcedência da ação.
Nascido em Catolé do Rocha, o ministro Herman Benjamin formou-se em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Finalizou o mestrado pela University of Illinois College of Law, em 1987. Foi membro do Ministério Público do Estado de São Paulo, promotor e procurador de Justiça. É ministro do STJ desde 6 de setembro de 2006. O ministro Herman Benjamin atua também como professor universitário desde 1983.

Alhandra já tem novo prefeito: Vice Lêdo Salvino toma posse após confirmação do TJ pelo afastamento de Renato Mendes - sobrinho do deputado Branco.

Resultado de imagem para alhandra já tem novo prefeito
Lêdo Salvino (PTB) assumiu interinamente o cargo de prefeito do município de Alhandra, nesta quarta-feira (18), em sessão extraordinária na Câmara Municipal. A solenidade ocorreu em cumprimento a decisão judicial que afastou do cargo o prefeito Renato Mendes, que é sobrinho do deputado estadual Branco Mendes. 
E a situação ficou bastante complicada para Renato Mendes especialmente após o Tribunal de Justiça negar recurso de seus advogados e manter decisão pelo seu afastamento. Agora, fica bem mais difícil Renato retornar ao cargo. Renato, como se sabe, foi punido a partir de uma ação movida no ano de 2013, durante a gestão do ex-prefeito Marcelo Rodrigues. Mendes foi acusado de ter desviado R$ 12 milhões do Instituto de Previdência do Município. Já em 2015, ele Renato foi condenado a devolver aos cofres públicos os juros correspondentes aos R$ 12 milhões, no valor de R$ 1,2 milhão.
Em 2016, Renato conseguiu driblar a Justiça e se candidatou a prefeito, aproveitou o cochilo e terminou por vencer a disputa. Mas, agora em agosto de 2017, Renato teve sua condenação confirmada pelo Tribunal de Justiça, sendo obrigado a pagar o valor dos juros e ainda foi tornado inelegibilidade por oito anos. Seus advogados recorreram, mas o desembargador Leandro dos Santos negou e mandou dar posse ao vice-prefeito.
A decisão põe em xeque a liderança do deputado Branco Mendes na região, onde venceu seguidas eleições. Em seu discurso, Lêdo afirmou que manterá a governabilidade, destacando as dificuldades que passou junto com o ex-prefeito para ganharem o pleito de 2016. Aproveitou para declarar aos funcionários que nada será modificado. Ele também pediu a união da classe política da cidade. Em breve, o prefeito empossado deverá marcar uma reunião com os secretários para discutir as próximas ações. Lêdo foi vereador por dois mandatos como representante de Mata Redonda,distrito de Alhandra.

Bancada decide por Emendas para Ramal Piancó, Hospital Sta Rita e diversos...

Resultado de imagem para reunião da bancada federal emendas paraíba
A decisão da Bancada Federal reunida nesta quarta-feira (18) no mini – plenário da Câmara dos Deputados acabou reparando e fazendo vingar as propostas do governo do Estado – e não para Bases da Oposição como aconteceu ano passado. Foi o que se viu com a escolha das Emendas de bancada prestigiando o ramal da transposição pelo Vale do Piancó mais recursos de custeio do hospital de Santa Rita, do estado.
A reunião começou confusa até eles decidirem retomar as decisões em encontro exclusivo com parlamentares em outra área. "Ficou decidido que cerca de R$ 50 milhões do conjunto das Emendas passam a se destinar e serem rateados com municípios", revelou uma fonte ao Portal WSCOM.

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Tribunal de Justiça mantém afastamento de Renato Mendes e posse do vice

O desembargador Leandro dos Santos deferiu parcialmente, na tarde desta terça-feira (17), medida liminar, mantendo a decisão do Juízo da Comarca de Alhandra que determinou que a Câmara Municipal de Vereadores empossasse no cargo de prefeito, o atual vice-prefeito Edileudo da Silva Salvino. A decisão do 1º Grau teve como base o acórdão da Primeira Câmara Cível, que deu provimento parcial ao recurso de Apelação de Renato Mendes, mas manteve as penalidades de perda do cargo ou função pública, cassando seus direitos políticos, nos autos da Ação de Improbidade Administrativa.
A concessão parcial da liminar, no Agravo de Instrumento nº 0805473-47.2017.8.15.0000, ocorreu apenas para determinar a imediata republicação do Acórdão da Primeira Câmara Cível, para incluir o nome do advogado de Renato Mendes. O desembargador Leandro dos Santos determinou, ainda, que o juízo de Alhandra remeta, em 24 horas, os autos do processo ao Tribunal de Justiça da Paraíba, a fim de que o feito possa retomar a marcha processual regular.
Nas razões do recurso de Agravo de Instrumento, Renato Mendes alegou que o advogado constituído não foi intimado da publicação do acórdão acima referido e que, por esta razão, considera inexistente o trânsito em julgado da Ação, e, em consequência, impede o cumprimento das determinações emanadas pelo TJPB.
Na decisão, o desembargador não vislumbrou erro a ensejar a suspensão dos efeitos da decisão agravada, considerando o fato de que a ausência de intimação do advogado é facilmente sanada com a determinação da republicação do julgado. “O que será feito, tendo, a partir desta republicação um único efeito viável ao recorrente: a interposição de recursos que não possuem efeito suspensivo, logo, é plenamente possível a execução do julgado”, explicou Leandro dos Santos.

Rodrigo Maia prepara votação para decretar a extinção da Justiça do Trabalho

Resultado de imagem para justiça do trabalho
A Câmara vai reagir duramente à articulação de entidades de juízes do Trabalho para boicotar a reforma trabalhista, que entra em vigor no dia 11. A ideia é votar projeto que extingue a Justiça do Trabalho, “justiça jabuticaba” que só existe no Brasil. A reação à desobediência de juízes recebeu o apoio do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, em reunião com deputados que atuaram na Comissão da Reforma Trabalhista. Informa Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Rodrigo Maia havia defendido a extinção da Justiça do Trabalho em março: chegou a afirmar em Brasília que “não deveria nem existir”. O projeto prevê, com a extinção, que magistrados do Trabalho de todos os níveis, inclusive ministros, serão realocados na Justiça Federal. Estudos mostram que a modernização das leis trabalhistas tornará inócua a Justiça do Trabalho, o que motiva mais a defesa da extinção.
Entidades de “profissionais do Trabalho” têm feito seminários com sugestões de pretextos para que eles boicotem a reforma trabalhista.

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Juiz Antonio Eugênio condena prefeito de Pedra Branca com suspensão dos direitos políticos por quatro anos e multa

O Grupo de Trabalho da Meta 4 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), no âmbito do Tribunal de Justiça da Paraíba, responsável pelo julgamento dos processos que tratam de improbidade administrativa e crimes contra a administração pública, divulgou, na manhã desta segunda-feira (16), mais um lote de sentenças. Das 53 ações analisadas, 17 foram pela procedência do pedido, 20 pela procedência parcial, 11 pela improcedência das denúncias e cinco processos foram extintos, sem julgamento do mérito.
Vale do Piancó - O juiz Antonio Eugênio julgou procedente, em partes a pretensão inicial contra Allan Feliphe Bastos de Sousa [atual prefeito de Pedra Branca], já qualificado, como incurso nas penas do art. 12, III da Lei n. 8429/92, impondo-lhe a sanções de perda da função pública que exerça ao tempo do trânsito em julgado da ação, suspensão dos direitos políticos por quatro anos e na multa civil, a qual fixo em trinta vezes o valor da última remuneração/subsídio percebido no cargo de Prefeito de Pedra Branca, a ser revertida ao ente público lesado (Município de Pedra Branca/PB).
Já o vereador da cidade de Piancó, José Luiz e o ex-prefeito de Boa Ventura, José Pinto Neto, foram absolvidos por decisão do magistrado, Antonio Eugênio, que atuou na Meta 4.
Fazem parte da equipe (foto acima) responsável por julgar os processos referentes à Meta 4 do CNJ os juízes Antônio Carneiro (coordenador da Meta), Antônio Eugênio Leite Neto, Hugo Gomes Zaher, Jailson Shizue Suassuna, Keops Pires, Renata Câmara Pires Belmont e Rúsio Lima de Melo.

Prefeito interino de Bayeux, Luiz Antônio exonera todos contratados da prefeitura

O prefeito interino de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), publicou no Diário Oficial do Município, nesta segunda-feira (16), o cancelamento de todos os contratos, por tempo determinado, celebrados com a gestão municipal. A medida visa reduzir os gastos com a folha de pessoal para atender as exigências do Tribunal de Contas do Estado, no tocante à Lei de Responsabilidade Fiscal.
Com a decisão, a prefeitura pretende fazer uma auditoria na folha de pessoal para identificar irregularidade e funcionários-fantasmas na cidade. Luiz Antônio disse que havia muitos prestadores com contratos irregulares, ou seja, sem a assinatura do prefeito afastado Berg Lima.
”O decreto tem por objetivo reduzir gastos com a folha de pessoal, corrigir distorções diante do Teibunal de Contas do Estado e regularizar a situação de muitos prestadores que por todo esse tempo não tinha contrato assinado pelo prefeito afastado. Faço questão de regularizar e entregar os contratos nas mãos desse servidores”, afirmou o prefeito.

Estado abre concurso com 108 vagas na SEDH, Creas Regionais e Coord. Estadual

O governo do Estado abriu processo seletivo objetivando a contratação temporária de pessoal por excepcional interesse público para atuar nos Centros de Referência Especializados da Assistência Social – CREAS POLOS REGIONAIS e na coordenação estadual dos CREAS, da Secretaria de Desenvolvimento Humano. De acordo com o edital, publicado nesta terça-feira (17) no Diário Oficial do Estado, serão oferecidas 108 vagas. Os cargos são de Advogado, Assistente Social, Educador Social e Psicólogo.
As inscrições são gratuitas e serão realizadas exclusivamente através do link:  http://portaldacidadania. pb.gov.br/SocialGoverno/Governo/Concurso/ListaConcurso nos dias úteis, no período de 16 a 27 de Outubro de 2017, às 23h59.
O Processo Seletivo Simplificado terá validade de 12 meses, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Administração Pública Estadual.

domingo, 15 de outubro de 2017

Luta pra manter foro faz senadores Vanessa Grazziotin, Gleisi Hoffman e Humberto Costa desistir da reeleição e disputar mandato de deputado em 2018.

Resultado de imagem para gleisi e vanessa grazziotin
Iniciada em 2014, a Operação Lava Jato já impacta no cenário eleitoral de 2018 em pelo menos catorze das 27 unidades da federação. O efeito mais comum tem sido a revisão dos planos eleitorais de líderes políticos.
Citados em delações, alvo de inquéritos ou ações, nomes antes cotados para cargos majoritários no Executivo agora traçam planos mais modestos nas disputas do ano que vem. O mandato garante a prerrogativa de foro no Supremo Tribunal Federal.
Os senadores Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), Gleisi Hoffman (presidente nacional do PT) e Humberto Costa (PT-PE), desistem da reeleição e vão disputar mandato de deputado, caminho em tese mais tranquilo para conquistar o direito ao foro privilegiado. (com Veja)

Branco se reúne com presidente do PHS, Benjamin Paiva, e deve se filiar ao partido

IMG-20171014-WA1103
Desde que o irmão perdeu o comando do PEN na Paraíba para Julian Lemos, correligionário do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC), o deputado estadual Branco Mendes (PEN) está a procura de uma nova legenda.
Segundo informações, o parlamentar está muito inclinado a se filiar ao PHS, que é comandado no estado pelo empresário Benjamin Paiva. O deputado se reúne com Paiva, neste sábado (14) e pode decidir o futuro partidário. (com Ascom)

Cartaxo está em Piancó para encontro com lideranças em busca de solidificar apoio a candidatura ao Governo

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), já se encontra no município de Piancó neste domingo (15), onde cumpre agenda em busca de apoios à candidatura ao Governo do Estado. Oficialmente, a visita ao município tem como objetivo “troca de experiências administrativas” e o convite foi feito pelo prefeito Daniel Galdino, também do PSD.
Na ocasião, o gestor que é sousense defendeu uma atenção maior à saúde básica do Sertão. “A saúde é um grande desafio no país inteiro. Mas, como sertanejo, sei que as dificuldades na região são ainda maiores. Ás vezes, o paciente que precisa de atendimento especializado passa mais tempo na estrada do que no hospital. A população ainda aguarda novas maternidades e unidades regionais. É preciso inverter prioridades, reduzindo distâncias e trazendo novos serviços para a região”, comentou.
Acompanhado de Manoel Júnior [apoio pelo grupo de Flávia em 2014], seu vice, e de seu irmão, o presidente do PSD em João Pessoa, Lucélio Cartaxo, Luciano se reuniu com lideranças da região, a exemplo da ex-prefeita Flávia Galdino, mãe do prefeito Daniel, e deu entrevista a emissora de rádio da cidade. Agora, a comitiva participa de um almoço na casa de Flávia.

sábado, 14 de outubro de 2017

Tota Guedes revela que prefeituras atrasam salários e gestores admitem exonerar servidores para garantir 13º

O presidente da Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup), Tota Guedes, revelou nesta sexta-feira (13) que algumas prefeituras paraibanas estão atrasando o pagamento do funcionalismo público em decorrência da crise econômica. Alguns gestores, inclusive, já estudam medidas extremas para garantir o pagamento do 13º aos servidores efetivos e cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).
A principal solução apontada por gestores é a demissão provisória de ocupantes de cargos comissionados e prestadores de serviço. Eles seriam demitidos neste final de ano e recontratados em 2018. “Na realidade, a grande maioria desses municípios deveria ter tomado essa iniciativa já no começo do ano porque já se esperava uma crise grande nos municípios. A gente orientou que eles pudessem enxugar ao máximo a máquina administrativa para que não se deparassem com esses problemas no final do ano. Alguns municípios já estão até atrasando os salários”, advertiu.
Tota ressaltou que a LRF não permite que o gestor deixe dívidas de um exercício para o outro e alerta para o pagamento de fornecedores. “A nossa orientação foi de corte daquilo que poderia ser cortado. Que fizessem economia e não insistissem em despesas que não pudessem pagar porque inevitavelmente isso geraria uma bola de neve”, disse.
Ainda de acordo com o presidente da Famup, muitos prefeitos foram surpreendidos com o rendimento da lei da repatriação em 2017. “O grande erro foi ter acreditado que a repatriação desse ano ia ser igual a do ano passado, mas não foi. A diferença foi de mais de 80% do que estava previsto aos municípios”, lamentou.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Cássio admite ‘desunião’ das oposições: “Vamos tentar no momento próprio juntar”

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) admitiu em entrevista nesta sexta-feira (13) que a chamada ‘união das oposições’ já não está tão unida assim. Ao ser questionado sobre a manutenção do PMDB no grupo formado em 2016 para enfrentar as eleições municipais, Cássio disse esperar que sim, embora defenda, também, a legitimidade de candidaturas dos partidos da oposição.
“O objetivo é que possamos estar juntos. Claro que cada partido tem legitimidade para apresentar as suas candidaturas, o PMDB tem apresentado a candidatura do senador Maranhão, o PSDB tem o nome de Romero, assim como o meu próprio nome que é lembrado, o PSD tem o prefeito Luciano Cartaxo, o PP tem Aguinaldo Ribeiro. Vamos tentar no momento próprio juntar a oposição e ter uma candidatura única, que seria o ideal, ao meu ver”, disse.
Além da disputa travada pelos prefeitos Luciano Cartaxo (PSD) e Romero Rodrigues (PSDB) pela indicação à candidatura ao governo , o senador José Maranhão (PMDB) tem chamado atenção pela postura de pré-candidato adotada nas últimas semanas. Além de viajar constantemente pelo estado, o peemedebista fez questão de ocupar a mídia para reforçar a disposição de colocar seu nome como opção dos paraibanos em 2018. (BlogdoGordinho)

Lira agraciado com título de cidadão de Conceição por atuação pelo Ramal Piancó

O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) recebeu o título de Cidadão de Conceição. A solenidade foi realizada no último final de semana, no Plenário da Câmara local, e foi prestigiada por autoridades e vários prefeitos da região. A honraria foi entregue pelo autor da propositura, vereador Stherlan Emanuel Alves de Lira.
Segundo o autor, trata-se de um reconhecimento ao trabalho que Lira desempenha em Brasília, em prol da cidade e região, a exemplo da sua atuação em favor do Ramal Piancó da Transposição; da reabertura da agência do Banco do Brasil, conquistada recentemente; além de emendas para investimentos em infraestrutura, saúde e a aquisição devan para transporte de pacientes para tratamento em outras cidades.
A solenidade de entrega teve as presenças do prefeito de Conceição, Nilson Lacerda, e da vice-prefeita, Nena Diniz; do ex-prefeito João Deon, do presidente da Câmara, Samuel Lacerda e dos demais parlamentares da Casa; do deputado federal Hugo Motta, que também recebeu Título de Cidadão de Conceição; do deputado estadual João Gonçalves; dos refeitos Divaldo Dantas, de Itaporanga; Zé Leite, de São José de Caiana; João Nildo, de Santa Inês; Lourival, de Aguiar; além da ex-prefeita Flávia Galdino, de Piancó e do vice-prefeito Gervásio Júnior, de Boa Ventura.
No discurso, Lira também detalhou fatos históricos sobre Conceição, a exemplo de sua fundação, e citou filhos ilustres, como o maestro José Siqueira, “um dos maiores músicos do mundo”; o ex-governador da Paraíba, Wilson Braga, lembrado por Lira como um grande realizador de ações na área de recursos hídricos; e Elba Ramalho, “minha amiga, amiga de minha esposa, e uma das maiores cantoras do Brasil”.
O trabalho de Lira em Brasília, em favor de Conceição e região, foi lembrado por todos os oradores que usaram a tribuna para falar sobre a honraria concedida ao senador.

Cartaxo deixa João Pessoa neste final de semana e vai a Piancó cuidar de sua pré-campanha ao Governo

Resultado de imagem para luciano cartaxo
O prefeito Luciano Cartaxo (PSD) deixa mais uma vez o município de João Pessoa rumo ao interior do Estado, para dar continuidade à sua agenda de pré-campanha eleitoral. Neste final de semana será a vez de Piancó, que ele visita neste domingo (15). O vice-prefeito Manoel Júnior (PMDB) estará na comitiva, que será recepcionado pela ex-prefeita Flávia Galdino e por seu filho, o prefeito Daniel Galdino. O grupo liderado por Flávia apoiou Manoel Júnior em 2014.
Luciano Cartaxo vai almoçar com Daniel Galdino, que é do seu partido, o PSD, e conceder entrevistas às rádios locais. Após a crise no seu grupo político ocasionado pelo anúncio de que o PMDB terá candidatura própria ao Governo, em 2018, Cartaxo deverá intensificar sua agenda política nos fins de semana. O presidente estadual do PMDB, senador José Maranhão, colocou seu nome à disposição para disputar o Governo em 2018, assim como o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB). Os dois líderes políticos integram o grupo das oposições.